16set. 2015

0

28137

DICAS DE CONEXÃO PARA O STREAMING

Streaming by Fernanda Leite
capa

Existem muitos fatores que envolvem o Streaming para que ele funcione perfeitamente. Aqui no nosso blog já demos várias dicas sobre eles: placas de captura, delay no Streaming e o passo a passo para chegar no seu espectador. Mas uma das maiores dificuldades que percebemos que nossos clientes possuem no Streaming é sobre a sua conexão de internet. Muitas vezes o problema na transmissão está neste fator, então fizemos este post para esclarecer algumas dúvidas mais decorrentes que encontramos no nosso dia a dia. Vem ver!

#1 Upload

Este é um fator que gera muita dúvida no Streaming, nós da UPX sempre esclarecemos aos nossos clientes que não é suficiente o download da sua banda de internet ser alto se o upload não for. É importante falar que pela regra da ANATEL a operadora tem o padrão de entregar 10% do contratado ou seja, se tem 30MB/s normalmente se tem 3Mb/s de upload.

Para isso indicamos que você contrate um link de rede específico para a transmissão do Streaming.

Exemplo: Pensando em uma empresa que possui muitos funcionários que utilizam a rede compartilhada de 60Mb/s, eles fazem a todo momento download de arquivos ou uploads via FTP, consumindo a banda de internet. Nesse cenário, pense que seu Streaming depende desta internet compartilhada e você se depara com falhas na sua transmissão. Com isso percebemos que a internet é um fator extremamente importante para o Streaming.

O que fazer?

o que fazer?

Como dissemos, o ideal é contratar uma rede específica para o Streaming e uma compartilhada para o restante da empresa. Possuir dois links de internet traz vantagens, você terá um Streaming sem oscilações ou falhas. Quando houver queda em uma rede, uma substituirá a outra em situações emergenciais, gerando mais segurança.

#2 RTMP

Real Time Messaging Protocol (RTMP) é um protocolo desenvolvido para streaming de áudio, vídeo e dados para internet compatível com o Flash player. Quando o cliente escolhe transmitir por RTMP, ele instala FMLE (Flash Media Live Encoder), software de captura de áudio e de vídeo ao vivo.

Quando escolhida a transmissão utilizando FMLE, você precisa indicar dois ingests (servidores que receberão seu conteúdo de mídia em bits/bytes). Então se você quer transmitir seu conteúdo com uma qualidade de 500kbps esse valor será duplicado, pois seu conteúdo será enviado para dois ingests. Ou seja, você precisa de um upload mínimo de 1MB (500kbps de um ingest + 500kbps de outro ingest = 1MB de upload).

Não adianta você ter um upload de 500kbps sendo que precisa ter no mínimo 1MB, entende? Se não seguir esta regra o Streaming terá falhas.

Obs.: Escolher dois ingests é uma segurança a mais para o seu Streming, caso sua rede não possua um alto upload, a saída é enviar apenas para um ingest.

#Dica

Sempre indicamos que o seu upload seja o dobro ou mais que a qualidade da sua transmissão.

Seguir estas dicas de conexão no Streaming são fundamentais para que tudo saia como planejado. Espero que tenham gostado, comentem o que acharam. Até a próxima!